sexta-feira, 27 de fevereiro de 2015

AL TEJO SUGERE PARA ESTE FIM-DE-SEMANA

                                                            ALANDROAL





Taken 3: Confronto Final 27 de fevereiro  21h30 Fórum Cultural Transfronteiriço de Alandroal

Realização: Olivier Megaton
Intérpretes: Liam Neeson, Maggie Grace, Famke Janssen
Género: Ação/Thriller
Classificação: M/12
Duração: 109 min.

Bilhete: 3.50€ (Menores de 12 anos ou portadores de cartão jovem munícipe 2.65€)

Depois de perder a sua mulher num brutal assassinato, o ex-agente secreto Bryan Mills, consumido pela raiva, vai ter de correr para escapar à implacável perseguição da CIA, FBI e de outras forças policiais. Por uma última vez, deverá usar as suas habilidades para procurar os verdadeiros assassinos, impor a sua única marca de justiça e proteger a única coisa que mais importa para ele agora - a sua filha.

                                                         ALDEIA DA VENDA


                                                                  MONTEMOR



                                                                          REDONDO


                                                               OUTRAS LOCALIDADES


                                                                              ÉVORA


13 comentários:

Anónimo disse...

Excelente concerto do Rão Kyao no auditório do Redondo, já o tinha visto uma vez no auditório do forum cultural do Alandroal, no tempo em que a cultura ainda não era nunca vista e nunca conseguida, é sempre bom poder ver e ouvir um grande musico.
Por aqui ao que parece a coisa é mais ao estilo programas João Baião, coisa de qualidade e digna de se ver.
A cultura é como o algodão, não engana, e há os que a tem e a praticam e quem não a tenha e não a pratique, embora muita gente finja que sim e fique convencida que convence, que ilude os outros.

CDU no seu melhor.

Anónimo disse...

Falando grosso e directo.

Mas era de esperar o quê desta gente que não estava à espera de ganhar nem preparada para governar?

Não há neste executivo ninguém ligado ás coisas da cultura, nem com qualquer tipo de experiência ou conhecimento nessa ária,estavam à espera do quê, de milagres???

E como por aqui todos nos conhecemos, que se saiba ou se tenha dado por isso, ninguém deste executivo na ária cultural tem hábitos visíveis de consumir arte e frequentar espaços da mesma, está por isso à vista o que as pessoas são verdadeiramente e do que gostam.

Está muito bem o programa da pimbalhada, assim se promove um feira de gastronomia em qualquer parte do mundo, uma mostra do povo e para o povo.

Anónimo disse...

O mais bonito disto é o amigo ter ido ao redondo na noite de um espetáculo musical aqui no fórum organizado pelo centro cultural de Alandroal pois parece que seja a câmara ou uma associação ou o que quer que seja as pessoas não aderem a nada e fique a saber que o grupo de música de pessoas jovens foi muito bem conseguido por esta organização do centro é pena é as pessoas serem assim mal dizentes e não aderentes

Anónimo disse...

Anónimo disse...
O mais bonito disto é o amigo ter ido ao redondo na noite de um espetáculo musical aqui no fórum

com todo o respeito, mas o amigo compara o Rão kyao, aos miúdos que estiveram no Forum?
Acha que é a mesma coisa???

Em primeiro lugar sou livre de ir onde quero, gosto de frequentar locais que tem uma agenda cultural bem feita e atempada e que nos é possível saber à distancia o que vai acontecer e programar a vida e a ida aos espectáculos com tempo, ao contrário do que aqui se passa que já tivemos anúncios de espectáculos com 3 dias de antecedência.
Se calhar entendo mais de musica que a cara ou o caro comentador, e até conheço músicos que fazem parte do projecto seven dixie.
Com todo o respeito, dixieland é bom de se ouvir numa festa de rua e não num Auditório, não que não seja possível, tanto que o grupo actuou no auditório do Alandroal, mas essas coisa , esses detalhes é para quem sabe e não para quem julga que saber.

Anónimo disse...

O PROBLEMA É MESMO A CARÊNCIA DE VERBAS E PRINCIPALMENTE NÃO HAVER QUEM SAIBA FAZER, O NÃO SE PODER ESCOLHER E PROGRAMAR POR FALTA DE DINHEIRO É DISCUTÍVEL PORQUE UM BOM PROGRAMADOR ARRANJA FORMA DE O FAZER, COM TANTAS OFERTAS CULTURAIS QUE HÁ POR ESTE PAÍS FORA, EMPRESAS, PARTICULARES, ASSOCIAÇÕES, INTERCÂMBIOS CAMARÁRIOS, ETC.
É A CULTURA FEITA AO SABOR DO ACASO, QUANDO SURGE A OPORTUNIDADE DE ALGUÉM QUE SE OFERECE OU VEM BARATINHO, TOCA A APROVEITAR O MOMENTO POIS TUDO O QUE VEM À REDE É PEIXE, E NADA É PENSADO E ESTRUTURADO COM ANTECEDÊNCIA.
POLITICA CULTURAL DESTE EXECUTIVO, ZERO, É A CONTINUIDADE DO NUNCA VISTO E CONSEGUIDO, TAMBÉM AS PESSOAS SÃO AS MESMAS, NADA MUDOU, CONTINUA A APOSTA NO QUE NÃO RESULTOU EM 4 ANOS.
ASSIM NÃO VÃO LÁ.
E POR AQUI ME FICO

Anónimo disse...

O problema mesmo é o ódio e sede de poder a qualquer custo, e os partidos políticos e movimentos grandes culpados de fomentarem nas suas hostes uma política sem ética. Uma tristeza local e nacional a todos os níveis. Estamos feitos!

Anónimo disse...

A maioria destes conhecidos e MAIS DO QUE PRETENSIOSOS comentários raza a intolerância e, mais grave, aproximam-se de linguagens de má memória.

Ainda mais grave é a ausência de qualquer laivo de ética dos seus autores porque, INCONSCIENTEMENTE!!!, podem parir O MONSTRO.

Pelo uso de linguagem deste perfil aconteceram, e acontecem, inimagináveis conflitos.

Vivia então no Alandroal e recordo os acontecimentos (de linguagem e não só) ocorridos imediatamente a seguir ao 25 de Abril.

Pelo que leio, actualmente assemelham-se. Fico espectante.

Ponderem TODOS na fala e na escrita.

Que a Democracia prevaleça SEMPRE.

Consolação Marques

Anónimo disse...

Consolação Marques


02 março, 2015 19:25

mas qual mostro inconsciente ????

É O QUE SE CHAMA NAVEGAR NA MAIONESE.

MAIS UMA INTELECTUAL.

Francisco Tata disse...

Dona Consolação Marques:
Cabe-me em última instancia moderar os comentários aqui colocados. Embora tente fazer o melhor acredito que por vezes erro. É dificil separar o trigo do joio nestas questões quando é facto comprovado que há divergencias acentuadas entre diversas facções politicas que nasceram no Alandroal. Tento sempre evitar (mutilando por vezes partes de comentários em que prevalece a ofensa, mas que versam a verdade dos factos).
Surpreende-me portanto a sua comparação com os tempos pós 25 Abril (suponho que se refere ao PREC), em que a falta de respeito pelas idéias de cada um era corrente.
Posto iso e consolidada que está a democracia, gostaria que fosse mais explicita quando considera PRETENSIOSOS e intolerantes comentários que emitem opiniões a propósito da qualidade de um espectáculo.ou quando se duvida da qualidade de qualquer evento e se faz eco daquilo que os próprios responsáveis afirmam: não haver dinheiro.
Será intolerante e pretensioso duvidar do gosto de quem responsável?
É mentira que raia o ódio e a vingança no Alandroal? É mentira que a classe politica é incompetente?
Como pode o debate de idéias contribuir para criar conflitos?
Pois... que a demcracia prevaleça sempre. Mas, para a mesma prevalecer há que dar voz ao povo, e o povo terá que não confundir liberdade com libertinagem, e isso é o que modestamente tento fazer.
Só lamento que se tenham que escudar no anonimato, mas compreendo que assim terá que ser, e a D. Consolação, sabe-o bem porquê.

Responsavel pela colocação de comentários

Anónimo disse...

"Ponderem TODOS na fala e na escrita.

Que a Democracia prevaleça SEMPRE.

Consolação Marques "

Consolação Marques, pondere a Srª na sua escrita.
Que a Democracia prevaleça Sempre.

Anónimo disse...

"fique a saber que o grupo de música de pessoas jovens foi muito bem conseguido por esta organização do centro "

Dei aqui com esta frase que me intrigou e pergunto a quem de direito ou a alguém que me possa elucidar do seguinte.

De que centro fala, que centro organizou ?

Se fala do centro cultural, ou seja o Forum cultural tem agora o mesmo autonomia própria e separada do Município para organizar e fazer sozinho?

Foi constituída no Forum ou Centro Cultural alguma entidade com NIF, autónoma, com escrita e contabilidade própria para organizar, pagar, receber, ETC???

E qual o papel no meio disto tudo da pessoa que detém o pelouro da cultura e como tal responsável pela mesma, a Srª Presidente?

Aguardo esclarecimento que é de interesse publico.

TOPA TUDO

Francisco Tata disse...

Sem ter nada a ver com o assunto senão apenas a responsabilidade de colocar o comentário quere-me parecer que o Srº (a) Topa-Tudo, não topou desta vez lá muito bem.
Parece-me que a referência ao Centro Cultural se refere não ao imóvel designado Centro Cultural Transfronteiriço, mas sim à Colectividade Centro Cultural do Alandroal (tambem responsável pela Banda). Ora perguntar se o mesmo tem NIF e contabilidade organizada não me parece muito a propósito, pois por certo quando passam recibos das diversas actuações terá que estar tudo legal e forçosamente colocar o NIF.
Já quanto à questão de quem detem o pelouro da Cutura e é responsável pela gestão do Forum (edificio) suponho que neste caso apenas se limita a ceder o espaço e eventualmente a logistica (o que em meu entender muito bem).
Não será assim?
Chico Manuel

Anónimo disse...

Fiquei esclarecido caro Xico, obrigado.