sexta-feira, 22 de julho de 2016

           RECREAÇÃO DO CULTO AO ENDOVÉLICO
Cerimónia que teve lugar em S. Miguel da Mota (Alandroal) , quando da “Semana                                                         do Endovélico 2016”

21 comentários:

Anónimo disse...

é parecido com as missas que se faziam antigamente no campo e tal como as ditas missas são coisas que tem interesse para quem pratica e acredita, se a ideia é fazer deste culto uma peregrinação do estilo das que se fazem a Meca ou a Fátima, estão no seu direito, agora estar um Município a pactuar e a apoiar com dinheiro público, que é de todos, manifestações religiosas sejam elas quais foram é que não está bem, não pode ser, e tem este executivo tal como o anterior que foi o mentor e criador deste culto, serem responsabilizados por isso.

Amigos, amigos, negócios à parte, estado é estado, religião é religião.

Anónimo disse...

Parabéns caro comentador de 23 julho, 2016 09:13, embora não concordando totalmente com o que diz, tenho que lhe dar razão, não se pode de todo misturar as coisas, na verdade o anterior executivo começou por apoiar este culto religioso e deixou de apoiar outros cultos, como a festa da Boa Nova e a festa de Nossa Senhora da Conceição, e este executivo sem ideias, apenas se limitou a dar continuidade à formula e critério.A parte em que discordo do comentador acima é a do Município não poder apoiar alguns eventos, pois estas comemorações de carater religioso também o são de cariz popular, como é o caso da Boa Nova e Festa da padroeira do Alandroal, festas com muitos anos de tradição, e nesse contesto o Município pode ajudar, mas da mesma maneira para todas, quer no apoio material, quer na contia de dinheiro que, tem que ser igual para todos ao cêntimo.
Tivemos por cá um Autarca que não sendo perfeito, dava a todas as festas das freguesias o mesmo valor em dinheiro e distribuía de igual modo o apoio à boa nova e à festa do Alandroal, como se sabe e vê, há coisas que melhoram e outras que pioram, ninguém tem soluções milagrosas para tudo, podia era haver da parte de quem governa pela primeira vez, a inteligência suficiente para analisarem o que foi bem feito ou mal feito no passado, em vez de andarem com divagações e inventar durante todo o mandato.
Na verdade este endovélico ainda não tem tradição, ainda não é popular, é apenas um culto religioso a dar os primeiros passos por aqui, e como tal sem requisitos para ser apoiado por um Município, a parte lúdica é uma coisa, mas o problema é que neste culto o lúdico é afinal religioso e estas mentes brilhantes ainda não chegaram lá, ou não conseguem ver as diferenças ou então algo de errado se passa.
BOM FIM DE SEMANA A TODOS

Anónimo disse...

Algo de errado se passa

Anónimo disse...

Ou invertem o caminho ou caiem no ridículo. O Alandroal merece mais. É a minha opinião.

Francisco Tata disse...

Ficamos na mesma! É uma opinião sem rosto (anónima), portanto sem qualquer importancia.
Acha o amigo que isso vale alguma coisa? Assumam-se porra!

Francisco Tata disse...

Meus caros amigos:
Se eu quizesse não tinha publicado o seu comentário anónimo. Pura e simplesmente o ignorava como faço a 80% dos que por aqui aparecem. Se o publiquei é porque emite uma opinião que merece ponderação. Agora o que eu pretendo dizer é que, como é uma opinião as pessoas resposáveis não lhe vão ligar nenhuma dado não poderem levar em consideração a pessoa que a elaborou.
Aliás é precisamente o que faço em relação aos dois comentários que contestam o que escrevi ás 15,47. Como não sei quem os escreveu e ainda por cima faz alusão aos métodos seguidos por um colega pura e simplesnente não os publico, acrescido ainda que um deles afirma não mais voltar a este espaço (o que para mim será um alívio, pois escuso de perder tempo) por certo seria perca de tempo estar a dá-lo a conhecer.
De uma vez por todas, isto é o meu entretem, ajuda-me a passar o tempo, obriga-me a fazer buscas, a estar actualizado, a manter um laço de interesse pela terra que me viu nascer e por vezes a aprender com quem sabe mais que eu.
Como não ganho nada com isto desde há muito que sigo a máxima «poucos...mas bons».

Anónimo disse...

ou não conseguem ver as diferenças ou então algo de errado se passa.
BOM FIM DE SEMANA A TODOS

23 julho, 2016 10:16

Nada de errado se passa caro comentador é tudo claro como a água, de facto a coisa é estranha, mas é real, este executivo nada criou e nem sequer alterou como promete no seu programa eleitoral em certas questões, acho mesmo que se o Muda tivesse ganho já tinha de certo mudado algumas coisas, estes é cumprir tudo com o máximo de fidelidade, sem fugir uma virgula ao original, tal a admiração e a devoção, até parece que isto do ENDOVÉLICO foi obra da CDU.

Isto é que vai para aqui uma açorda.

Anónimo disse...

Não vou falar de nomes caro Francisco para que não tenha o amigo qualquer razão para não publicar, mas mais uma vez lhe digo, se a opinião dos anónimos não tem importância, faça como outros administradores já fizeram porque possivelmente pensam como o Francisco, assuma-se o Sr. e acabe de vez com os tais comentadores sem importância que são os anónimos.

Boa noite.

Francisco Tata disse...

Tem importancia sim senhor, tanto assim é que os publico. Não acabei nem acabo com eles (comentários) porque percebo perfeitamente que por vezes para criticar ou sugerir uma qualquer decisão pode trazer graves consequencias para quem ousa fazê-lo. Foi o caso que desplotou esta troca de opiniões. A sugestão era válida, a opinião digna de registo. O caso não estava em vir ou não a coberto do anonimato. O meu reparo referia-se apenas ao impacto que a mesma poderia ter junto de quem responsável sendo assinada ou vinda de um anónimo.

Anónimo disse...

Vamos lá ao português…
Desplotou é erro.
Despoletou é que está certo.

Um bom domingo.

Francisco Tata disse...

Obrigado

Anónimo disse...

"Tem importancia sim senhor, tanto assim é que os publico. Não acabei nem acabo com eles (comentários) porque percebo perfeitamente que por vezes para criticar ou sugerir uma qualquer decisão pode trazer graves consequências para quem ousa fazê-lo."

Pois aqui vai um desabafo sobre o que na verdade acontece no Concelho do Alandroal e só não me identifico porque não posso, trabalho no meio da engrenagem.

Este executivo foi eleito e devia governar, devia liderar, devia ter ideias próprias e saber fazê-las cumprir, em vez disso, em certas coisas que não são tão poucas quanto isso, quem na verdade manda e consegue que os seus intentos sejam postos em prática, é na verdade uma força política que nem oposição é, mas que tem dos seus em pontos chaves, e que fazem opinião, influenciam e conseguem os intentos do seu orientador.

E por aqui me fico, porque na verdade não me posso adiantar mais,para bons entendedores, chega, mas também é verdade caro Francisco Manuel que não estou a dar novidades a ninguém, a coisa é tão clara e descarada que só não vê quem não quer, continuidade a papel químico, uma vergonha para a CDU.

Um bom domingo a todos e a todas.

Anónimo disse...

Caro amigo Xico Manel se quer prestar um bom serviço à sua terra tenha de uma vez por todas a coragem de ACABAR COM TODOS OS COMENTÁRIOS ANÓNIMOS até lá o amigo também é responsável por alimentar a coscuvilhice e a má língua tenho dito.

Anónimo disse...

Anónimo Anónimo disse...
Caro amigo Xico Manel se quer prestar um bom serviço à sua terra tenha de uma vez por todas a coragem de ACABAR COM TODOS OS COMENTÁRIOS ANÓNIMOS até lá o amigo também é responsável por alimentar a coscuvilhice e a má língua tenho dito.

24 julho, 2016 10:44

ACABAR COM TODOS OS COMENTÁRIOS ANÓNIMOS COMO O SEU, SE É ASSIM TÃO CONTRA OS ANÓNIMOS PORQUE NÃO DÁ O EXEMPLO E COMENTA DANDO A CARA. É CASO PARA DIZER, VÁ DAR BANHO AO CÃO.

CRITICA MAS FAZ O MESMO, VÁ PREGAR MORALIDADE PARA OUTRA FREGUESIA, HÁ CADA UM.

TAMBÉM TENHO DITO.

Anónimo disse...

E com estas confusões todas já ninguém comenta sobre a o assunto desta rubrica que é sobre a RECREAÇÃO DO CULTO AO ENDOVÉLICO.

Na verdade não sou de cultos, não sou de religiões e de adorar deuses.
Nasci num meio familiar católico e numa vila em que as tradições são católicas e como tradições respeito, agora tudo o que venha de fora, endovélico, reino de deus, etc, para mim é tudo a mesma coisa e rejeito,não obrigado.

Amigos, amigos, religiões à parte e como tal não posso concordar que o Município do Alandroal, que ao que se diz não tem dinheiro e que por culpa disso existam estradas e caminhos por arranjar, água que não chega ás pessoas de forma devida, etc, etc, e se ande a gastar dinheiro com festinhas e cultos que nada dizem nada à maioria das pessoas que vivem no nosso Concelho.
Há ainda a agravante de haver aqui um comportamento desigual deste executivo, que ajuda assumidamente uma festa religiosa chamada endovélico e gasta dinheiro com a dita, e outras festas religiosas, essas sim com história e tradição e que tem forte ligação com a maioria das pessoas do Concelhos, mas que são ignoradas e que tirando o palco e pouco mais não tem nenhum apoio directo do Município.

Não esteve bem o anterior executivo MUDA/DCU que implantou esta prática e a aplicou durante 4 anos e não está bem este executivo CDU que lhe dá continuidade.

Boas férias

Anónimo disse...

Boas férias para quem as pode ter,mas obrigado pela simpatia.
Tenho que lhe dar razão,embora tenha votado CDU não concordo de todo com o desprezo com que tem tratado as nossa festas, nada tenho contra o endovelico mas tem sido notório o empenho e dedicação que o actual executivo tem dedicado a este certame em contrapartida com a total falta de empenho e interesse de outros.
Francamente, não se entende nem se percebe esta política.

Anónimo disse...

Esta gente com as inovações da treta e com as mudanças nunca vistas tem dado cabo de tudo, onde põem a mão tira Deus a virtude, enquanto outros crescem e a cada ano que passa fazem melhor, como é o caso do Redondo, aqui é ao contrario, cada ano que passa é pior que o outro.
Transformaram as nossa grandes festas num arraial de aldeia e num festival pimba, já ninguém se desloca ás Festas do Alandroal a não ser os da terra e mesmo esses cada vez menos.
Estamos condenados e ainda vem com tretas de endovélicos,gente que nem as tradições sabem manter.

Caturo disse...

É preciso perceber que este culto a Endovélico faz parte de um evento de carácter cultural, o qual é saudavelmente apoiado pelo município. Deve ter-se em mente que a alegada separação entre Estado e Igreja não tem impedido que esta última continue a ter privilégios incompatíveis com uma sociedade verdadeiramente laica. Acresce que o culto de Endovélico não é simplesmente uma religião como outra qualquer - esteja mais ou menos inventado, recriado quase a parecer inventado, tanto faz: constitui um símbolo da herança étnica desta gente do extremo ocidente europeu. E, nisso, mereceria até protecção estatal.

Anónimo disse...

A Separação entre a Igreja e o Estado.
As religiões têm a sua doutrina que no geral nos aconselha e nos ensina no mínimo a sermos bons.
Tais ensinamentos não se ficam apenas neste grau. Seguindo o caminho traçado pela doutrina duma religião e procurando ir mais além, tanto podemos atingir a santidade, como o inverso e tudo em nome da religião e ao seu serviço. Os caminhos antagónicos que se deparam são uma escolha da responsabilidade do praticante.
Trata-se duma questão de interpretação dos textos à luz da implantação duma só igreja contra todas as restantes.
Desde os primórdios até à atualidade quão problemático tem sido para muitos inocentes esta questão dos caminhos antagónicos das religiões.
Porque quase no geral todas as religiões. em certas fases da sua existência têm enfermado desta anomalia, trocando o amor pela violência, e porque a liberdade de escolha religiosa, em Portugal está na lei, não deviam os organismos estatais dar qualquer cobertura a cultos religiosos.
Para terminar: “cada macaco no seu galho”.

Anónimo disse...

E, nisso, mereceria até protecção estatal.

Isso é o que o comentador acha, eu já não penso assim e a minha opinião não vale nem menos nem mais que a sua, vale a mesma coisa.
Protecção estatal merecia muita coisa e muitas bem mais importantes que o Endovélico, e na verdade é mais fácil dar a volta a umas pessoas do que a outras, por isso terem um apoio local e não nacional, nem todos vão na cantiga nem se deixam convencer pela sua prosa bem elaborada.

Anónimo disse...

Parabéns ao comentador de 27 julho, 2016 10:04 que diz tudo com esta frase e contra factos não há argumentos, senhores Autarcas, cumpram a lei se fazem o favor.
" em Portugal está na lei, não deviam os organismos estatais dar qualquer cobertura a cultos religiosos.