segunda-feira, 19 de janeiro de 2015

TEATRO NO ALANDROAL - CASA CHEIA PARA APLAUDIR “ A MAGIA DA NOITE – RÁBULAS E CONTOS”



VEJA AQUI TEXTO – REPORTAGEM FOTOGRÁFICA – E ENTREVISTA – ELABORADA PELA RÁDIO CAMPANÁRIO.



6 comentários:

Anónimo disse...

Olha aí está uma coisa em que o Município poderia poupar, será que é assim tão difícil que um funcionário do Município tire umas fotografias do muito que se vai passando neste Concelho?
É mais fácil pagar avenças à radio campanário ou outra qualquer, de facto coisa prioritária.
E depois não gostam que se diga que afinal há dinheiro para o que se quer e para quem se quer.

Contabilista.

Anónimo disse...

"... em que o Municipio poderia poupar..."
O que tem o Municipio a ver com esse grupo de teatro??? Nada!
Primeiro saibam quem é que encomendou o trabalho á rádio campanário e depois falem!

Francisco Tata disse...

Desculpem lá, mas esta conversa raia o ridiculo. Por acaso sabem o que é fazer rádio? o que é fazer jornalismo? Pagar o quê? Quem anda nestas coisas anda pr amor, gosta de voluntariado, gosta de prestar um serviço aos outros. Tem assim que procurar a notícia, ir aos eventos,, gastar muitas vezes do seu bolso. Como poderiam despertar algum interesse, ter ouvintes, ter leitores se apenas fizessem cobertura de eventos a quem lhes pagasse? Não ofendam os outros!
Ainda há muita gente diferente e que não se move só por dinheiro!
Chico Manuel

Anónimo disse...

De se apreciar o seu comentário, senhor administrador.

Desgraçadamente mas é um facto. Certas conversas raiam o ridículo, são ofensivas e denunciam a maledicência e a total ignorância sobre as matérias, de quem as escreve.

Muito bem Sr. F. Manuel

Que haja algum equilíbrio emocional.

Leitor

Anónimo disse...

Desculpem lá, mas esta conversa raia o ridiculo. Por acaso sabem o que é fazer rádio? o que é fazer jornalismo? Pagar o quê?

Isso foi no seu tempo caro Francisco, a rádio Campanário tem uma avença com o Município do Alandroal, como tem com a maioria dos outros Municípios aqui à volta, só que os outros podem pagar e a gente não.
Ou será que há dinheiro.
Lá está, para o que se quer, há.

Anónimo disse...

Até a Campanário serve.A baixeza a que se chegou.

Vão procurar (aos papéis velhos) o que eles dizem SOBRE AVENÇAS.

NEM IMAGINAM OS MILHARES DE ESTAPARFÚDIO.

E eu não sei?